Medo e Angústia: Como lidar com estes sentimentos durante o isolamento

Nesse período tão desafiante que estamos vivenciando, o medo e a angústia se intensificam dia a dia. A ansiedade também está tomando conta de nossas vidas, pelas incertezas do amanhã.

Estamos o tempo todo em busca de equilíbrio e sanidade.

E eu tenho uma ótima notícia para você !!

Faça ho’oponopono ! Você já ouviu falar ?

É um método de auto cura de origem havaiana que libera sentimentos negativos, pensamentos ruins, dores emocionais, bloqueios, culpas e tudo o que nos impede de ter uma vida plena e feliz.
Trata do auto perdão, do amor e de tomar responsabilidade pelas nossas vidas. É utilizado para sanar problemas e restabelecer o contato com nossa essência divina. Com ho’oponopono você resgata sua paz interior.

Para te auxiliar nessa fase vou disponibilizar uma petição de limpeza que você pode realizar todas as vezes que sentir desconforto.

Divindade, limpa em mim as memórias que se reencenam e me fazem sentir medo, angústia, insegurança. (Coloque tudo o que sente)

Peço para liberar, purificar, dissolver essas memórias, sentimentos e emoções negativas e preencher os espaços vazios com amor, paz e luz.

Deixo a Inteligência Divina manifestar boa saúde em todos os meus sistemas (fisico, mental, emocional e espiritual) assim como para todo Planeta Terra e seus habitantes.

Assim é…Assim está feito!

Estamos todos livres, libertos e curados.

Eu sinto muito, por favor me perdoe, te amo, sou grato(a).

Grata por unir meu caminho ao seu para cura

Luciene Ferreira

Sobre o autor | Website

Luciene Ferreira - Atua na área de auto conhecimento e desenvolvimento pessoal desde 2005. É numeróloga pitagórica, terapeuta de regressão, radiestesista, massoterapeuta, practitioner em PNL , terapeuta holistica com especialidade em ho'oponopono. Atua com vivências e wokshops de ho'oponopono em São Paulo e várias cidades do interior desde 2013. Tem formação na Humaniversidade Holística, Inside You e no Instituto Iluminati.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

2 Comentários

  1. Andressa Monique disse:

    Matéria fantástica neste atual cenário humanitário. Gratidão pela partilha.

  2. Luciano Lima disse:

    Curti muito também, parabéns!